Jornal Resenhas News

MENU
Logo
Wednesday, 21 de February de 2024
Publicidade
Publicidade

Cidades

Dono de padaria ameaça clientes com pedaço de pau: “Vou matar vocês”

Confusão começou por causa de um notebook, que estava sendo usado pelos clientes que consumiam no local

105
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando
Um grupo de amigos foi ameaçado pelo dono de um estabelecimento comercial em Barueri na tarde desta sexta-feira (2). A discussão começou por causa de um notebook. O caso ocorreu na padaria e restaurante Empório Bethaville.
 
O proprietário do comércio se irrita pelo fato de um dos homens estar mexendo no notebook enquanto faz o consumo de alimentos no local. Ele não aceita que alguém trabalhe enquanto consome em seu estabelecimento, e alega ser "uma lei que ele mesmo criou".
 
“Eu determino o que é dentro do meu estabelecimento. Você está comercializando alguma coisa dentro do meu estabelecimento, aí é proibido”, diz o empresário.
 
Mesmo com o notebook fechado, o homem pede para retirá-lo de cima da mesa. A discussão fica mais acalorada e o empresário, já visivelmente alterado, chama o cliente “para ir lá fora”, em tom de ameaça.
 
“Você não é homem? Vamos lá fora! Você é um bosta!” Neste momento, ele dá um tapa na mão do cliente, que filma toda a ação (veja o vídeo no final da reportagem).
 
“VOU MATAR VOCÊS”
 
Do lado de fora, o clima esquenta ainda mais. O empresário, alterado, sai da padaria com um pedaço de pau na mão atrás dos clientes. Mas, ao correr, ele acaba caindo e batendo com o rosto no chão.
 
Ao perceber que continua sendo filmado, ele fica ainda mais descontrolado e agressivo. “Eu vou achar vocês dois. Eu vou matar vocês. Eu vou achar esse cara. Não filma eu, não”.
 
Uma outra pessoa, com a camisa do estabelecimento, identificada como Marcelo, pede para o homem parar de filmar e tenta agredi-lo. Neste momento, o empresário é contido por outro homem.
 
Cotia e Cia entrou em contato por e-mail com o estabelecimento Empório Bethaville para pedir um posicionamento sobre o caso. Também solicitou o contato do proprietário para entrevistá-lo e ouvi-lo. Mas até a publicação desta reportagem, não houve retorno. O espaço segue aberto para eventuais manifestações.
 
A reportagem também pediu um posicionamento para a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP) e aguarda resposta. Cotia e Cia não conseguiu localizar os clientes que foram vítimas da agressão.
 
VEJA O VÍDEO:
 
 

Fonte/Créditos: cotiaecia.com.br

Comentários:

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )